Selecione Layout

Padrão de fundo

  • #
  • #
  • #
  • #
  • #
  • #
  • #
  • #

Cor

#

Diálogos Capitais, em Salvador, reafirma importância dos bancos públicos

Por: Imprensa04/12/18 18:48

Evento teve grande participação do público

Bancos públicos sob ataque: desafios, riscos e perspectivas. Com esse tema, a capital baiana sediou na noite de ontem, 3, a quinta edição da série de debates Diálogos Capitais, parceria da Fenae com a revista Carta Capital.

Participaram do evento, como debatedores, o ex-governador e senador eleito pela Bahia Jaques Wagner (PT); a representante dos empregados no Conselho de Administração da Caixa, coordenadora do Comitê Nacional em Defesa das Empresas Públicas e diretora da Fenae Rita Serrano; o professor Luiz Gonzaga Belluzzo, da Unicamp; o diretor de redação da Cara Capital, Mino Carta e o empresário Thiago Coelho. A mediação foi da jornalista Carla Araújo.

O professor Belluzzo voltou um pouco na história brasileira para lembrar que, em muitos momentos, o País criou formas institucionais de desenvolvimento; ou seja, havia uma preocupação em se pensar o Brasil, uma arquitetura que hoje se vê ameaçada pelo desmonte.

E esse desmonte nas empresas públicas já vem ocorrendo, como denunciou a representante dos empregados da Caixa no CA, Rita Serrano. “O que se observa hoje é que já existe uma virada nessa política dos bancos públicos, distanciando-os de seu papel social”, alertou.

Uma política que, afirmou o ex-governador daquele estado e senador eleito Jaques Wagner, vinha mudando a rede social de produção, já que os bancos públicos são responsáveis pelo crédito em diversas áreas e programas sociais, como na agricultura, na habitação, na educação e obras de infraestrutura, entre várias outras.

O evento teve grande participação do público que, além dos questionamentos, participou via internet – foram quase 7 mil visualizações pelo Facebook. A série Diálogos Capitais já passou por quatro cidades neste ano: São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Teresina (PI) e Rio de Janeiro (RJ).

Depois da capital baiana será realizada em Natal, no Rio Grande do Norte, no próximo dia 6, quando participam a governadora eleita Fátima Bezerra; o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira; o senador Jean Paul Prates; o sociólogo Jessé de Souza e o presidente da Associação Comercial e Empresarial do Rio Grande do Norte (ACS), Itamar Manso.

As discussões serão mediadas pelo jornalista e professor Daniel Dantas Lemos. Estarão presentes também presidentes e diretores de todas as Apcefs e a conselheira Rita Serrano, que estarão na cidade para a final do Talentos Fenae/Apcef e para a reunião do Conselho Deliberativo Nacional da Federação.

Você pode conferir a íntegra do evento em Salvador no facebook com comitê.

Foto: Victor Lima / Carta Capital

 

Evento teve grande participação do público

Bancos públicos sob ataque: desafios, riscos e perspectivas. Com esse tema, a capital baiana sediou na noite de ontem, 3, a quinta edição da série de debates Diálogos Capitais, parceria da Fenae com a revista Carta Capital.

 

Participaram do evento, como debatedores, o ex-governador e senador eleito pela Bahia Jaques Wagner (PT); a representante dos empregados no Conselho de Administração da Caixa, coordenadora do Comitê Nacional em Defesa das Empresas Públicas e diretora da Fenae Rita Serrano; o professor Luiz Gonzaga Belluzzo, da Unicamp; o diretor de redação da Cara Capital, Mino Carta e o empresário Thiago Coelho. A mediação foi da jornalista Carla Araújo.

O professor Belluzzo voltou um pouco na história brasileira para lembrar que, em muitos momentos, o País criou formas institucionais de desenvolvimento; ou seja, havia uma preocupação em se pensar o Brasil, uma arquitetura que hoje se vê ameaçada pelo desmonte.

E esse desmonte nas empresas públicas já vem ocorrendo, como denunciou a representante dos empregados da Caixa no CA, Rita Serrano. “O que se observa hoje é que já existe uma virada nessa política dos bancos públicos, distanciando-os de seu papel social”, alertou.

Uma política que, afirmou o ex-governador daquele estado e senador eleito Jaques Wagner, vinha mudando a rede social de produção, já que os bancos públicos são responsáveis pelo crédito em diversas áreas e programas sociais, como na agricultura, na habitação, na educação e obras de infraestrutura, entre várias outras.

O evento teve grande participação do público que, além dos questionamentos, participou via internet – foram quase 7 mil visualizações pelo Facebook. A série Diálogos Capitais já passou por quatro cidades neste ano: São Paulo (SP), Belo Horizonte (MG), Teresina (PI) e Rio de Janeiro (RJ).

Depois da capital baiana será realizada em Natal, no Rio Grande do Norte, no próximo dia 6, quando participam a governadora eleita Fátima Bezerra; o presidente da Fenae, Jair Pedro Ferreira; o senador Jean Paul Prates; o sociólogo Jessé de Souza e o presidente da Associação Comercial e Empresarial do Rio Grande do Norte (ACS), Itamar Manso.

As discussões serão mediadas pelo jornalista e professor Daniel Dantas Lemos. Estarão presentes também presidentes e diretores de todas as Apcefs e a conselheira Rita Serrano, que estarão na cidade para a final do Talentos Fenae/Apcef e para a reunião do Conselho Deliberativo Nacional da Federação.

Você pode conferir a íntegra do evento em Salvador no post abaixo.

Foto: Victor Lima / Carta Capital

 

Entre em

Contato